Publicado em 19/04/2021

por Agência Penso

Bromélias não são vilãs

As bromélias são conhecidas por seu visual exótico e cheio de cores. São cultivadas em vasos para decorar ambientes internos e também para compor jardins verticais. Existem em torno de 4.000 espécies, deste total, cerca de 36% são encontradas na flora brasileira. As bromélias vivem no chão, na rocha ou nas árvores, a sua propagação se dá através de sementes, à luz difusa ou meia sombra. O formato de suas folhas variam entre diversas larguras, texturas e suas listras avermelhadas.

Fotossíntese

Com caule reduzido, folhas compridas e recurvadas, as bromélias têm a capacidade de armazenar água e nutrientes. Durante o processo de fotossíntese, as bromélias criam açúcares necessários para sua sobrevivência, permitindo-as viver em climas quentes ou secos. Elas abrem os seus estômatos (estruturas fundamentais para o processo de fotossíntese) à noite, ao invés de abrir durante o dia, isso previne-as de cometerem o desperdício de água.

Esses “espaços” em que se acumula água é chamado de “tanque”, servindo como um abrigo de seres vivos, tais como rãs e pererecas, plantas carnívoras, aranhas, insetos, entre outros.

Bromélias e o Aedes Aegypti

A preocupação que tem se levantado sobre as bromélias é que esse acúmulo de água seja propício para o desenvolvimento de foco do mosquito da dengue. Apesar de muitos mosquitos de outras espécies viverem nesse ambiente, a boa notícia é que os estudos apontam que as bromélias não são favoráveis para a reprodução do mosquito Aedes Aegypti.

Vale lembrar que nem todas as bromélias acumulam água, mas mesmo as que retém não são favoráveis à proliferação, já que essa água acumulada pelas folhas é transformada em suco biológico, e é através dele que as bromélias encontram o meio para sobreviver mesmo em ambientes drásticos. Sendo assim, essa água não é limpa o suficiente para a reprodução de larvas do mosquito, o que não descarta os cuidados com o acúmulo de água da chuva nos vasos.

A legislação ambiental protege as bromélias da natureza porque reconhece a sua importância nos ecossistemas. É crime ambiental, inafiançável, extrair ou destruir bromélias dos ambientes naturais.

Benéficas à saúde

Se você já teve o desejo de ter uma bromélia como parte de um projeto paisagístico ou apenas um vasinho para decorar o ambiente interno, saiba que, além de ser uma planta decorativa e fácil de cuidar é benéfica para a saúde.

No Varanda das Bromélias incentivamos o cultivo dessa planta tão importante. Acreditamos que a saúde e a natureza andam juntas, por isso, te convidamos a viver uma experiência inesquecível no nosso Med Spa. Siga nossa Instagram @varandadasbromelias para saber mais dos nossos serviços e conhecer nossas acomodações.

Gostou deste artigo?
Compartilhe em suas redes sociais!